Mauá, 24 de abril de 2017
Boa Noite

Atendimento
11 4309.0400
Fale Conosco   Associe-se

SCPCOnline
.
.
Você está em > Aciam > Notícias > Atila renegocia parcelas em atraso no pagamento de precatórios com TJ-SP
Atila renegocia parcelas em atraso no pagamento de precatórios com TJ-SP
Atila renegocia parcelas em atraso no pagamento de precatórios com TJ-SP
Atila renegocia parcelas em atraso no pagamento de precatórios com TJ-SP

O prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), foi ontem ao TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) renegociar o pagamento de parcelas em atraso no abatimento de precatórios da cidade. A atual administração informou que herdou R$ 4,95 milhões em boletos não quitados com a Justiça do governo do ex-prefeito Donisete Braga (PT).
A Prefeitura de Mauá deixou de pagar precatórios nos meses de novembro e dezembro, dívida que somou R$ 2,35 milhões. Houve também falta de quitação das parcelas da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá) desde o primeiro semestre de 2016, que alcançaram R$ 2,6 milhões.
Além do depósito para acertar as fatias em atraso, Atila terá de desenhar plano para quitar os precatórios. A cidade possui passivo judicial na ordem de R$ 983 milhões, que precisam ser encerrados até dezembro de 2020, conforme nova determinação do STF (Supremo Tribunal Federal). Na questão do Executivo, o planejamento precisará ser apresentado em no máximo 30 dias.
A situação da Sama é mais delicada. O atraso no pagamento das parcelas de precatório vai comprometer a execução orçamentária da gestão de Israel Aleixo (PSB), superintendente da autarquia. Antes, estavam destinados 8,16% da receita corrente líquida para eliminar as dívidas judiciais. Agora, será necessário separar 25,84% da arrecadação. A superintendência da Sama já prevê dificuldades financeiras por conta do impasse.
Além disso, a autarquia terá apenas duas semanas para divulgar ao TJ-SP seu planejamento para zerar os precatórios. Seu maior credor é a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo).
“A administração tem o compromisso de organizar as finanças municipais (Paço e autarquia) para que a cidade tenha possibilidade de fazer investimentos em novos equipamentos, seja por meio de recursos próprios ou por meio de financiamentos”, informou o governo de Atila.
O socialista divulgou, no começo do ano, que recebeu a Prefeitura com R$ 178,1 milhões em restos a pagar.


Assunto: Últimas Notícias






Voltar   Imprimir   Topo   Página Inicial   Fale Conosco
 
ACIAM
Associação Comercial e Industrial de Mauá
Todos os Direitos Reservados - 2017

Central de Atendimento
(11) 4309-0400
Fale Conosco
 
Nossa Localização
Rua Guido Monteggia, nº 151
Centro - Mauá - SP
Mapa de Localização


Projeto desenvolvido
pela Agência de
Web & Design Globeweb
www.globeweb.com.br
Produzido por | globeweb | www.globeweb.com.br